Em tempos onde o cinema tem dado cada vez mais espaço as mulheres em papeis de aventura A Disney traz de volta uma produção que restaura o encanto e a magia de suas princesas sem quebrar o conceito de que as mulheres detêm o seu destino.

Bela e a fera - cartazE assim a Montagem do filme inspirado em uma de suas mais bem sucedidas animações.  A nova produção da Disney faz a transferência da famosa animação a bela e a Fera de 1991 para filme, (desenhos e computação gráfica)  para live action (filme com pessoas) A adaptação procurou ser bem fiel ao desenho mantendo personagens situações e músicas com poucas diferenças do original. Bela é vivida por Emma Watson, muito conhecida por seu papel como Hermione Granger de Harry Potter, para o papel da fera temos Dan steves o galã  de Downtown abbey. O Primeiro ponto que acho importante ressaltar foi a fidelidade ao desenho original, para aqueles que não viram  a versão animada de a bela e a fera perderão bem pouco no quesito adaptação. Talvez o que possamos dizer é que no filme buscaram dar um pouco mais verdade a história, explicando a falta da mãe de bela por exemplo. Os personagens de Lumiere (Ewan Macgregor)  E Cogsworth (Ian MacKellen) dão o devido tom de diversão ao filme. Claro todos os atores e personagens são muito bem recriados e muito parece que saíram do desenho direto para o filme. As músicas, são verdadeiras e belas reproduções da versão animadas, não esquecendo mesmo de contar toda a história existente em cada uma delas . 

A bela e a fera - emma watson como Bella

Beauty and the Beast (2017)
Emma Watson as Belle

A Bella, Emma Watson

Na verdade o grande ganho da nova versão foi enfatizar a personalidade de Bela, como uma mulher sonhadora, mas que tem controle sobre si mesma e sobre sua escolhas. Uma mulher arrojada destemida, estudiosa e que não se deixa levar se não por suas próprias ideias. Ainda assim não é egoísta, sabendo retribuir de forma generosa o bem que lhe é feito.  Deste modo a  bondade em seu coração faz com que seja capaz de enxergar além dos aspecto grotesco da Fera e amá-lo pelo que é além de sua casaca. Interessante pensar que A personagem de Emma Watson em Harry Potter, apaixona-se por Rony Weasley, que não é considerado exatamente o galã da série. Brincadeiras a parte,  vale ressaltar a história é inspirada em conto de 1740 escrito por Gabrielle Suzanne Barbot ( Dama de Villeneuve), mais tarde 1756 foi adaptado por Jeanne-Marie LePrince de Beaumont, que fez várias modificações na história.

Bela e a fera:  Adptações para o Cinema Cinema (wikpedia) 

  • Uma versão francesa foi feita em 1946, La Belle et la Bête, dirigida por Jean Cocteau, codirigida por René Clément, estrelando Jean Marais e Josette Day.
  • Na União Soviética, um filme chamado “A Flor Vermelha” foi feito em 1952, baseado numa versão de Sergei Aksakov.
  • Em 1962, uma versão com Joyce Taylor e Mark Damon mostra a Fera como um príncipe transformado em lobisomem.
  • Em 1987, uma produção de The Cannon Group e Golan-Globus realizou uma versão musical, Beauty and the Beast, sob direção de Eugene Marner, estrelando John Savage e Rebecca De Mornay, com trilha musical de Lori McKelvey.
  • Em 1991, Walt Disney Feature Animation produz um musical de animação baseado em “A Bela e a Fera”, Beauty and the Beast, dirigido por Kirk Wise & Gary Trousdale, com adaptação de Linda Woolverton e canções de Alan Menken & Howard Ashman. Nesta versão Bela não tem irmãos ou irmãs, e o castelo da Fera fora encantado por uma fada disfarçada de velha mendiga que no passado oferecera uma rosa a um príncipe soberbo, que recusando-a, fora transformado em fera. Os criados do príncipe foram transformados em objetos domésticos e ele tem um prazo para se casar com uma mulher que aceite seu amor até que a última pétala de uma rosa se precipite.
  • A produtora Diane Eskenazi produziu um filme infantil, Beauty and the Beast, adaptando “A Bela e a Fera” para a Golden Films em 1993.
  • O filme de lançamento em 2011 chamado Beastly é uma versão moderna do conto A Bela e a Fera. Nela, Kyle é um jovem com um rosto desfigurado graças a uma antiga colega de escola que no passado fora humilhada por ele.
  • Em 2014 foi lançado um longa-metragem francês baseado no conto, La Belle et la Bête, estrelando Léa Saydoux como Bela e Vincent Cassel como a Fera. Nela, a maldição da fera foi lançada por um deus da floresta, condenando-o a viver como monstro até que encontrasse alguém que o amasse, por ele um dia ter caçado a corsa dourada, que na verdade era a ninfa do bosque, filha do deus da floresta.
comente com Facebook

Você pode gostar

compartilhe
Show Buttons
Hide Buttons