Nada será como antes – Crítica

A montagem da rede Globo nada será como antes se passa na década de 50 e conta o inicio da TV no Brasil aqui sobre a egide da TV Guanabara. Claro toda a peripécia de montagem e do inicio de funcionamento da emissora é apenas uma desculpa. Um pano de fundo para falar outros assuntos pertinentes a sociedade da época. No centro das câmeras desta vez estão as mulheres, todas as dores e desafios delas em uma sociedade que se ainda hoje é machista imagine nos idos (anos) de 50. Juntamente com a questão feminina, mas de forma mais branda eleva se também a questão racial  60 e poucos anos após a assinatura da lei Áurea.

Verônica

veronica-3

A série conta a história de duas personagens femininas distintas. Em um plot central esta Verônica (Débora Falabella) uma atriz de radio novelas que é levada para o Rio de Janeiro por Saulo (Murilo Benício), um homem empreendedor e visionário que se apaixonou por ela. Os dois vivem um casamento de 11 anos sem filhos, Saulo ao descobrir que não podia ter filhos, resolve separar-se dela sem dizer nada para que ela possa encontrar um homem que possa realizar seu sonho de ser mãe. Tudo acontece ao mesmo tempo que a emissora começa a funcionar. Ainda sim graças ao amor que sente por Verônica, Saulo decide fazê-la a atriz principal da emissora mesmo estando separados. Graças ao trabalho ela tem um envolvimento rápido com um ator americano e acaba engravidando dele. Ainda sem saber que esta grávida ela e Saulo reatam, ao descobrirem a gravidez ele reage mal e volta a se separar dela por ela não aceitar  retirar da criança, o que Verônica não faz.

Paro aqui o resumo da historia para dedicar um espaço ao que realmente é importante. A personagem Verônica é uma representação claro de todas as dores e dificuldades as quais passavam  as mães solteiras naquela época. A dificuldade de conseguir um emprego para cuidar de seu filho, mães solteira eram imorais. No caso de Verônica ainda havia o agravante de ser casada e ter um filho fora do casamento.  Verônica percebendo todos os problemas que teria seu filho com o preconceito social pede a Saulo que assuma a paternidade da criança. Saulo aceita ajuda-lá, mas após suspeitar que ela estava tendo um caso com um ator negro e funcionário da rádio que era dono. Em um acesso de ciumes Saulo despede o rapaz e vai a justiça para tomar a criança de Verônica, com o único intuito de lhe fazer mal. O juiz toma o filho da mãe biológica e o entrega ao homem que assumiu a paternidade. 

Beatriz 

bruna-beatriz-nada-sera-como-antesA personagem de Bruna Marquezine não esta no plot central da história, mas evidentemente se destacou pela beleza e jovialidade da atriz que desempenha um ótimo papel. Sua personagem é uma ex-dançarina que após ser apresentada ao filho do patrono da TV Guanabara começa a namorá-lo. É através dela que Saulo consegue o investimento para iniciar seu projeto. Ele a apresenta a Otaviano (Daniel Oliveira) o qual exige de Saulo uma oportunidade para moça, que por sua beleza e capacidade em pouco tempo se destaca. Beatriz é uma mulher forte e voraz que luta por aqui lo que deseja, dando a impressão que é uma mulher dominadora e extremamente sedutora. Filha de Odete (Cássia Kiss), o que a garota mais deseja é dar uma vida digna a sua mãe,  uma mulher simplória e ex empregada doméstica. Ela deseja se livrar de todas as humilhações as quais sofreram as duas. Quando ainda na casa da onde sua mãe trabalhava a jovem foi abusada pelo patrão que a chantageava com a expulsão das duas para obter aquilo o que queria da garota.

otaviano-beatriz-juliaBeatriz tem um triângulo com otaviano (Daniel oliveira) e sua irmã Julia (Letícia Colin), não se sabe ao certo para onde esta relação vai se dirigir, mas podemos dizer que é um dos pontos inquietantes da mini-série. 

Nada Será Como Antes é uma série inquietante e desafiadora que mostra ainda que de forma branda as lutas e os desafios das mulheres nos anos 50.  focando em duas personagens de formas diferentes uma mulher e seu desejo de cuidar de seu filho e outra mulher sedutora que após várias adversidades quer dobrar o mundo a seus desejos. É de longe notável que após tudo isto nada há de ser novamente como antes. E esperamos que para muitas mulheres em um futuro próximo tudo seja muito melhor. 

 

 

Facebook Comments

Você pode gostar

compartilhe
Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta