Algumas  coisas ainda que não sejam novidade merecem ser comentadas. Este é o caso do clipe Til it happens to you (Até isso acontecer com você)  de Lady Gaga a música lançada em setembro de 2015. A canção é uma critica a cultura do estupro no campus das universidades, muito recorrente nos EUA, onde os alunos ficam instalados na dependências das instituições. A própria Lady Gaga admitiu há algum tempo que foi vitima de estupro aos 19 anos leia em Lady gaga afirma que foi estuprada 

“Por causa do jeito que eu me vestia e como eu sou uma pessoa provocante, achei que havia sido, de alguma forma, responsável pelo que aconteceu, que a culpa era minha”, disse. ”Eu não contei pra ninguém por sete anos”, continuou, de acordo com notícia da Us Weekly. ”Eu não sabia como pensar nisso. Eu não sabia aceitar. Eu não sabia como não me culpar. Foi algo que realmente mudou a minha vida. Mudou completamente quem eu era.” fonte: revista Bilbord

Lady-GagaA música fez parte da trilha do documentário The hunting Ground que fala sobre o problema dessa cultura horrenda dentro dos campus e da falta de atitude da administração destas instituições. Já tocamos neste assunto em Sobre estupro e Jair Bolsonaro. De qualquer modo os EUA famoso por sua liberdade e igualdade possui muitos esqueletos em seu armário. E quando se fala em estupros dentro dos campus universitários as instituições querem que estes esqueletos fiquem bem trancados. Creio porém que  para as vitimas é melhor que estes  ossos venham a mostra para que esta horrenda cultura acabe.

Além da violência é importante enfatizar a desmoralização pela qual passam as vitimas de violência sexual. Toda a vitima passa por uma série de violências a começar pela violação de seu corpo e intimidade.

”Quando você passa por um trauma desse tipo, não há apenas consequências físicas imediatas”, disse Gaga. “Quando você passa por isso de novo ao longo dos anos, isso pode criar padrões de sofrimento físico. Muitas pessoas sofrem não só de dor mental e emocional, mas também da dor física de ser abusada, estuprada ou traumatizada de alguma maneira.” fonte: Revista bilbord

 Além de toda  discriminação e culpabilização. Falamos sobre em: Estupro, a culpa é da mulher. O importante é que se tenha a dimensão do problema e de como isso atinge as mulheres em todo o mundo. Deixo  vocês com o clipe de Til it happens to you e com o  trailer de The hunting ground.

Comente abaixo dê sua opinião e se gostou dessa matéria compartilhe com amigas e amigos.

Sugestões, reclamações, ou opiniões que não deseja deixar em comentários envie para [email protected]

 

 

comente com Facebook

Você pode gostar

compartilhe