Olá leitoras começamos esta postagem pedindo desculpas pelo sumiço dos últimos tempos, mas a vida nos arremessa em direções que nem sempre foram as escolhidas por nós e é preciso força física e de vontade para voltarmos ao caminho certo. Então é isto estamos de volta, espero que mais nenhuma força nos tire dele novamente abraços e vamos lá!

20160119152011b99tOolGRx Quando você pensa que as coisas estão melhorado é acertado com um atitude ridícula. Em Nova York um rapaz de 24 anos obrigou a namorada a andar nua nas ruas do Harlem, como castigo por ela conversar com outros homens. Até entendo que ele não tenha gostado das conversas que encontro no celular da moça, conversas amorosas. Porém  isto de modo algum da a ele direito de expô-la a qualquer coisa, quanto mais colocá-la para andar nua e xinga-la. A única atitude aceitável nesta situação seria o termino do relacionamento. Este tipo de atitude reforça a ideia de que o homem pode sem evidentemente trazer qualquer mal físico ou mesmo psicológico. Namorado, noivo, marido não é o mesmo que dono.

Toda relação conjugal é entre duas pessoas em igualdade, sem alguém tem um desacordo de como esta a relação ela deve ser conversada, ou mesmo finalizada para o bem mutuo. Deve ser repudiado qualquer tipo de violência em uma relação conjugal. Afinal quem é o namorado, marido para punir a mulher dar lhe uma lição? Prova de que ainda serão necessários muitos movimentos quanto ao abuso contra as mulheres.  Mas ao que vejo este tempo ainda esta longe de terminar. Este tipo de atitude não é incomum é possível localizar na internet o vídeos até de mulheres colocando em humilhação pública amantes de seus maridos, ou mesmo a torturando, Atitude incompatível com o fato. Sou contrário a todas estas atitudes sejam de homens de mulheres. Se aconteceu algo no relacionamento que não lhe agrada, termine. sem violência, sem exposição esta é a melhor atitude a se tomar.

esta e minha posição sobre o assunto, concorda, discorda? comente abaixo. Se traída, ou traído qual seria sua atitude?

comente com Facebook

Você pode gostar

compartilhe
Show Buttons
Hide Buttons